CSA: após derrota, diretoria se reúne com treinador Marcelo Cabo
02/04/2018 - 17h54 em ESPORTES

O elenco azulino só volta a treinar nesta terça-feira, após a derrota por 1x0 para o CRB, no primeiro jogo da decisão do Alagoano. Porém, na noite desta segunda-feira, a diretoria vai se reunir com o treinador Marcelo Cabo. Em pauta, o segundo jogo das finais do Campeonato Alagoano, que vai apontar o campeão da temporada 2018. E como saiu derrotado, CSA vai entrar em campo em desvantagem, precisando vencer por diferença de dois gols para levantar a taça.

O Azulão não tem nenhuma baixa para o novo duelo no Rei Pelé. Apenas o atacante Michel Douglas segue aos cuidados do departamento médico. 

E paralelamente ao Estadual, o CSA já contrata para a Série B do Campeonato Brasileiro, cuja estreia azulina está marcada para o dia 14, quando vai encarar o Goiás, no Trapichão. Quatro já foram confirmados: lateral Muriel, volante Edinho, meia Velicka e atacante Hugo Cabral.

Indagado sobre este assunto, o técnico Marcelo Cabo assegurou, em entrevista coletiva nesse domingo, que a busca por reforços não estaria tirando o foco das finais do Campeonato Alagoano.

- Todo clube no Brasil está se reforçando para o Brasileiro. São campeonatos completamente diferentes. Vamos jogar uma competição de 38 jogos, em que muitas vezes há três partidas em uma semana. Portanto, é necessário um elenco forte. Vamos olhar para o lado e perder um Rafinha, um Leandro [Souza], um Daniel [Costa], por exemplo, e precisar ter alguém à altura para substituí-los. É isso que o CSA está buscando. Os jogadores que estão chegando já estavam dentro do planejamento do clube.

Ainda no vestiário do Rei Pelé, o comandante azulino ressaltou que o time segue concentrado na decisão do título estadual. Na oportunidade, ele também negou que o atual elenco seja limitado.

- O elenco não é limitado. É o que eu recebi quando aqui cheguei e estou tentando extrair o que de melhor há nele.

COMENTÁRIOS
PUBLICIDADE