Relator da Lava Jato no STF arquiva última denúncia contra Benedito de Lira
21/04/2018 00:04 em BRASIL

O ministro Edson Fachin, relator da Operação Lava Jato no Supremo Tribunal de Justiça (STF), determinou o arquivamento da última denúncia feita pela Procuradoria-Geral da República (PGR) contra o senador alagoano Benedito de Lira (PP). 

Ele havia sido denunciado em virtude de uma doação suspeita feita pela construtora Queiroz Galvão ao Partido Progressista, em 2014. A denúncia apontou troca de vantagens. Lira respondia por ser vice-presidente do partido à época da doação. 

Por meio da assessoria, o senador disse que, desde 2014, a imprensa de uma forma geral vem publicando reportagens sobre políticos envolvidos na Operação Lava Jato. 

"A Justiça e a Polícia Federal inocentaram o senador Benedito de Lira de todas as acusações e o ministro Edson Facchin, nesta quinta-feira, 19 de abril, mandou arquivar a última denúncia que restava. Essa decisão é um alívio para todos nós", pontua o senador.

A assessoria acrescenta que, embora em paz com sua consciência, o senador Benedito de Lira passou por enorme desgaste político e pessoal. "A injusta acusação, replicada nas mídias sociais, descambou para o anedotário, colocando-o definitivamente ao lado de réus efetivamente com contas a acertar com a Justiça".

COMENTÁRIOS

PUBLICIDADE