Bebê de 14 dias é internado na maternidade Santa Mônica com suspeita de H1N1
11/05/2018 15:19 em Ciência e Saúde

Um bebê de apenas 14 dias de nascido está internado na Maternidade Escola Santa Mônica com infecção respiratória grave e uma das suspeitas é de que ele tenha contraído gripe H1N1. Por medida de precaução, a criança está isolada dos demais pacientes até que o resultado dos exames mais específicos seja conhecidos.

Material respiratório da criança foi coletado e enviado para análise em laboratório. A notificação é de responsabilidade da Secretaria de Estado da Saúde (Sesau).

 

Por meio de nota enviada à SITE, a direção da maternidade confirmou que o bebê está internado na Unidade de Cuidado Intermediário Convencional (UCINCo), mas o diagnóstico inicial, dado pela equipe médica, é de bronquiolite (inflamação nos brônquios). 

O prazo dado pelo laboratório para divulgado do resultado dos exames feitos no bebê é de oito dias úteis.

Confira a nota na íntegra: 

"A Direção Médica da Maternidade Escola Santa Mônica informa que um bebê interno na Unidade de Cuidado Intermediário Convencional (UCINCo) está com um quadro de Bronquiolite. Como protocolo para identificação dos casos de insuficiência respiratória da comunidade, foi realizada coleta de material do paciente para investigar a causa, entre elas a Gripe Influenza (H1N1).

Ainda seguindo o protocolo da unidade neonatal, neste momento, o bebê está isolado até o resultado dos referidos exames, no prazo de oito dias úteis.

 

Assim, a direção agradece o apoio e informa que, somente após o resultado, se manifestará sobre o caso".

COMENTÁRIOS

PUBLICIDADE